Giba detona liberação de transexuais nos esportes femininos: “Fora do normal, eu joguei com ele quando era homem”

Giba

O ex-jogador de vôlei, Giba, concedeu uma entrevista ao deputado federal, Eduardo Bolsonaro, no sábado (8). Durante a conversa, ele falou sobre assuntos pessoais e também sobre polêmicas que envolvem atletas.

Giba também fez críticas à integração de atletas trans nos esportes.

– Não tenho problema com gênero, mas isso é completamente fora do normal – destacou.

Ele comentou o caso de Tiffany Abreu, primeiro atleta transexual a competir na Superliga de Vôlei, em um clube feminino.

– Eu joguei com ele, quando ele era homem. E hoje em dia, ele joga contra mulheres. E aí, como a gente vai deixar isso acontecer? – declarou.

Na mesma data da entrevista de Giba, Ana Paula Henkel, que também é ex-jogadora de vôlei, falou sobre o posicionamento de Caitlyn Jenner, que disse ser contra a participação de mulheres trans em esportes femininos em nível de base nos Estados Unidos.

– É uma questão de Justiça, por isso me oponho a garotos biológicos que são trans compitam em esportes femininos na escola – afirmou Jenner.

Fonte: Pleno.News

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as notícias em primeira mão. CLIQUE AQUI
Relacionados:  Bolsonaro vê candidatura de Huck como piada