Ciro Gomes perde mais uma na justiça e terá que pagar outra indenização

Ciro

O eterno candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, perdeu mais uma batalha na justiça. Ele foi condenado a indenizar em R$ 20 mil o ex-governador do Ceará, Lúcio Alcântara, por danos morais.

A decisão foi proferida pela juíza Antonia Dilce Rodrigues Feijão, da 36ª Vara Cível do TJCE, no último dia 16:

“Julgo procedente o pedido e condeno o promovido a indenizá-lo a título de reparação por dano moral, no valor de 20.000 reais.”
Apesar da decisão proferida pela juíza, o eterno presidenciável ainda pode recorrer.

Leia mais:  Bolsonaro diz temer fraude na próxima eleição, mas garante: “Só Deus me tira daquela cadeira, queremos voto auditável”

A maré não está nada boa para o lado de Ciro Gomes. Há poucos dias, ele perdeu um apartamento em um processo na Justiça movido pelo ex-presidente Fernando Collor.

Para piorar a situação do socialista, o imóvel foi arrematado pelo ex-senador Eunício Oliveira, um de seus desafetos políticos.

“Arrematei de sacanagem… O homem não administra nem o patrimônio dele, quer administrar o Brasil?” — ironizou Oliveira.

Leia mais:  Bolsonaro: “Se eu fosse seguir exemplo de presidente seria cachaceiro hoje em dia”
Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as notícias em primeira mão. CLIQUE AQUI