Sikêra Júnior processa Neto na Justiça e exige retratação formal da TV Bandeirantes

Sikêra Júnior, apresentador de sucesso do programa Alerta Nacional na Rede TV, tomou a decisão de ir até a Justiça pedindo uma indenização de R$ 44 mil ao ex-jogador de futebol Neto, atualmente no comando da atração Os Donos da Bola, na Band. A ação está em tramite pela 6ª Vara do Juizado Especial Cível de Manaus desde o dia 13 de julho.

Além da indenização, Sikêra ainda pede para que a emissora rival retire os vídeos em que ele é criticado, e que uma retratação formal seja feita por meio das redes sociais e na programação da Band.

Leia mais:  Doria quer que Bolsonaro seja julgado em tribunais internacionais por mortes na pandemia

Tudo começou após Sikêra proferir duras críticas com relação ao comercial do Burger King, no mês passado, em que crianças apareciam no anúncio com temática LGBT. Após suas críticas, Neto, por sua vez, surtou e saiu em defesa da propaganda aos gritos e ameaças.

De acordo com o comandante do Alerta Nacional, o ex-atleta fez várias acusações sérias, como “ganha dinheiro do governo” e “você é homofóbico”, sem ter provas para tal.

Leia mais:  Lula diz para generais que 'não se metam' na política brasileira e ataca: “Não é a farda que impõe respeito, é o seu caráter!”

“Tudo sem qualquer documento comprobatório, apenas para denegrir a imagem do autor diante da sociedade, comentando assim, crimes contra honra”, afirma o advogado.

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as notícias em primeira mão. CLIQUE AQUI