Bolsonaro dispara contra Barroso: “Um imbecil e idiota! Vergonha!”

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar Luís Barroso, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo TribunaL Federal (STF). O mandatário chamou Barroso de “idiota” e “imbecil” ao falar sobre os argumentos contrários do magistrado contra a aprovação do voto impresso. A declaração foi feita a apoiadores na saída do Palácio da Alvorada.

“Se nós queremos uma maneira a mais para mostrar transparência, porque o Barroso é contra? Ministro do Supremo Tribunal Federal, uma vergonha um cara desses estar lá. Não é porque ele defende aborto não, não é porque ele quer defender redução da maioridade por estupro de vulnerável. Com 12 anos de idade, tenho uma de 10 em casa, isso não é estupro, pode ser consentindo, segundo a cabeça dele. Um cara que quer liberar as drogas, um cara que defendeu um terrorista assassino italiano, Cesare Battisti, esse é o perfil de Barroso que está à frente das eleições”, disparou.

“Um cara desses tinha que estar em casa”. Um bolsonarista o interrompe dizendo que, na verdade, Barroso deveria estar na cadeia. O presidente continua: “Se bobear, num outro lugar. Nós não podemos deixar acontecer as coisas para depois tomar providências. Recado para os brasileiros: lutem pela sua liberdade. Não queiram, que um homem sozinho resolva os seus problemas. O que eu estou querendo é transparência”, justificou.

Leia mais:  Doria quer que Bolsonaro seja julgado em tribunais internacionais por mortes na pandemia

Bolsonaro caracterizou como desculpa esfarrapada a alegação do magistrado de que o voto impresso pode ferir o sigilo de voto.

“Daí vem o Barroso com a história esfarrapada dele, entre outras né?, dizer que o voto em papel, que se o João for votar lá no interior do Ceará e gripou a maquininha. Podem gripar sim, daí o mesário vai lá e vai ver que o João votou em tais candidatos. ‘Isso desqualifica as eleições porque fere o sigilo do voto.’ É uma resposta de um imbecil. Eu lamento falar isso de uma autoridade do STF. Só um idiota para fazer isso aí. O que está em jogo, pessoal é o nosso futuro e a nossa vida. Não pode um homem querer decidir o futuro do nosso Brasil na fraude”, acrescentou.

Por fim, Bolsonaro disse que o resultado das eleições presidenciais de 2022 “já está certo” por meio de fraude, e que cabe ao povo cobrar por transparência. “Já tá certo quem vai ser presidente o ano que vem. A gente vai deixar entregar isso? Queremos transparência. Acho que, a cada dia que passa, vocês estão se conscientizando mais. O que está em jogo… Como é que justifica um país que tem tudo, viver grande parte da população na miséria? Viverem 20 milhões de pessoas com programas sociais. Não se justifica. Então, nós temos que conscientizar quem está do nosso lado. Se as eleições, essa eletrônica, seu Barroso, fossem honestas, por causa da tecnologia, por que o mundo não adota isso aí? Será que somos os melhores da tecnologia? Está na cara que aqui, (isso é para) voltar a quadrilha de sempre ao poder”, concluiu.

Leia mais:  Em um ataque de fúria, Joice chama Bolsonaro de 'mentiroso, vagabundo e cafetão'
Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as notícias em primeira mão. CLIQUE AQUI